NEUROLOGIA

NEUROLOGIA

A neurologia é a especialidade médica que cuida das enfermidades relacionadas ao “sistema nervoso”. O sistema nervoso é composto pelo encéfalo (cérebro e suas estruturas), medula e nervos periféricos. Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, o estado de “estar nervoso” relacionado com ansiedade e humor é competência da Psiquiatria, e não da Neurologia. 

 

O que faz um neurologista?

Um neurologista é o especialista que estuda, diagnostica e trata as doenças que comprometem o sistema nervoso (cérebro, medula espinhal, raízes nervosas e nervos) e músculos (doenças musculares, miopatias). O neurologista, o neurocirurgião e o neurologista infantil, mesmo compartilhando o mesmo campo de estudo, possuem diferentes formações.

O neurologista estuda as enfermidades a serem tratadas clinicamente, apresentando durante sua formação um grande aporte de conhecimento e experiência no tocante a medicamentos, as interações entre esses medicamentos e sua ação sobre a doença e sobre o indivíduo. Possui formação clínica, não realizando procedimentos cirúrgicos. Já o neuropediatra tem a mesma função que o neurologista, porém sua formação é voltada especificamente para as enfermidades neurológicas das crianças.

O principal foco do neurocirurgião é o tratamento das enfermidades do sistema nervoso por meio de cirurgia, atuando principalmente, em centros cirúrgicos.

 

Doenças tratadas pelo neurologista

As doenças mais comuns tratadas pelo neurologista são:

  • Cefaleias ou dores de cabeça;
  • Distúrbios do sono (insônia, excesso de sono, sono não restaurador, ronco, apneia do sono);
  • Doenças cérebro-vasculares (AVC) ou “derrames”;
  • Distúrbios do movimento (como tremores, tics e doença de Parkinson);
  • Demências (como doença de Alzheimer);
  • Doenças desmielinizantes (como a Esclerose Múltipla);
  • Neuropatias periféricas (como a diabética);
  • Doenças musculares e de junção (como a Miastenia Gravis);
  • Desmaios, crises convulsivas e epilepsias;
  • Tonturas e vertigens;
  • Infecções do sistema nervoso (como meningites e encefalites);
  • Tumores;
  • Doenças degenerativas;
  • Déficit de atenção e hiperatividade;
  • Formigamentos;
  • Perda de memória e confusão;
  • Perda de força;
  • Alteração na visão;
  • Mudança de comportamento e outras.

 

Essas doenças são tratadas pelas 3 especialidades médicas distintas. As enfermidades que afetam as crianças são tratadas pela Neuropediatria, as enfermidades dos adultos pela Neurologia, já a Neurocirurgia fica responsável pelas enfermidades de tratamento potencialmente cirúrgico quer seja em adultos ou crianças.

 

Exames solicitados pelo neurologista

Durante a consulta, o neurologista faz uma entrevista com o paciente, acompanhada de alguns exames clínicos, como a avaliação de reflexos, equilíbrio, força e sinais vitais. O neurologista pode solicitar também: 

  • Exames laboratoriais;
  • Eletroencefalograma;
  • Doppler transcraniano;
  • Eletromiografia;
  • Angiografia cerebral;
  • Tomografia;
  • Ressonância magnética.

 

Esses exames são importantes para identificar a necessidade de cirurgia ou tratamento clínico.

 

Quando procurar um neurologista

Realizar o diagnóstico de uma doença logo no início pode ser o fator determinante para a cura. Por essa razão, aqui encontram-se os sintomas que indicam a necessidade de procurar um neurologista:

  • Perda súbita de visão, tato ou fala;
  • Paralisia em um dos lados do corpo ou do rosto;
  • Vertigem ou perda de equilíbrio sem motivo aparente;
  • Sensação frequente e intensa de familiaridade com situações desconhecidas;
  • Dor forte no pescoço ou irradiada para os braços, com diminuição da sensibilidade, formigamento ou fraqueza muscular;
  • Dormência, ou sensação de “alfinetadas”, nos dedos;
  • Dores que não passam com analgésicos comuns;
  • Perda de consciência;
  • Dificuldade para compreender a linguagem ou para se expressar;
  • Confusão mental ou perda de memória.

 

Os sintomas descritos são apenas uma maneira de indicar o momento de procurar ajuda, porém sabemos que a medicina preventiva é sempre o melhor remédio.

 

O que você acha de prevenir doenças neurológicas e marcar uma consulta com os especialistas da Medic Life hoje mesmo? Estamos localizados em Formosa-GO, com todas a especialidades para melhor atender você e sua família.