blog-post-image

MAPA

Uma das análises mais conhecidas nas clínicas brasileiras, o exame MAPA é frequentemente solicitado por médicos cardiologistas para acompanhamento clínico de pacientes com suspeita ou histórico de hipertensão arterial. MAPA significa Monitoramento Ambulatorial da Pressão Arterial, e como o próprio nome já explica, é responsável por realizar um monitoramento dos níveis de pressão arterial de uma pessoa durante sua rotina diária. Essa é a razão da análise precisar ser feita durante 24 horas.

 

Finalidade do exame

A pressão arterial passa por inúmeras variações durante o dia. Dentre essas variações estão alterações em resposta a determinadas circunstâncias, como estresse e cansaço. Assim, a medição que ocorre apenas no consultório médico oferece uma visão muito limitada do quadro.

Quando essa análise é solicitada ao paciente, é porque provavelmente o médico já desconfia (ou tem certeza) de que existe uma grande chance de que aquela pessoa possua preocupantes oscilações na pressão arterial.

Somente com a realização da monitoria frequente ao longo de 24 horas será possível avaliar o comportamento da pressão arterial durante os acontecimentos do dia-a-dia e, dessa forma, aprofundar o diagnóstico ou avaliar a eficácia do tratamento.

Essa é a razão pela qual a MAPA foi incorporada à prática de médicos cardiologistas, para avaliação e tratamento de problemas de pressão arterial.

 

Como funciona o exame?

O paciente ficará com um minigravador digital acoplado à cintura, e uma braçadeira que deve, preferencialmente, ficar no braço menos utilizado. Ela estará conectada a um aparelho eletrônico que registrará os níveis de pressão arterial.

O equipamento pode ficar preso a um cinto ou dentro do bolso, desde com muito cuidado. O paciente receberá também um diário de atividades.

Nas 24 horas em que o paciente estiver com a braçadeira, de tempos em tempos ela inflará e medirá sua pressão momentânea. As principais atividades do dia deverão ser anotadas no diário, assim como se fizer a ingestão de algum medicamento. É muito importante o registro dos horários da ingestão (caso haja) desses medicamentos para melhor avaliar possíveis alterações no resultado.

Após as 24 horas é preciso apenas que o paciente retorne à clínica e devolva o equipamento do exame.

 

Preparos necessários

Por tratar-se somente do monitoramento da pressão, a MAPA é um exame simples e não envolve procedimentos invasivos. O paciente precisa apenas ter atenção quanto:

 

. Exercícios físicos

O paciente deverá suspender a prática de atividade física 24 horas antes de realizar o exame, assim como durante o processo.

 

. Banho

Não é possível molhar o aparelho, por isso, aproveite para tomar banho o mais próximo possível da hora do exame.

 

. Roupas

O melhor para o paciente é utilizar roupas confortáveis, como camisas de mangas curtas e largas. Os homens podem usar blusas abotoadas na frente, pois facilitam a colocação do gravador. Já as mulheres deverão dar preferência a saias ou calças e blusas, evitando os vestidos. Além disso, o uso de um cinto pode ajudar a fixar o aparelho na cintura.

 

. Medicamentos

Caso o paciente já faça uso de alguma medicação para pressão, é preciso fazer uma lista com doses e horários para entregar ao médico responsável pelo laudo.

 

. Trabalho e outras atividades

É importante que o exame seja marcado para um dia comum, com atividades normais, como trabalhar, ir ao mercado, cozinhar, estudar e etc; uma vez que o objetivo do exame é justamente monitorar as alterações de pressão ao longo da rotina do paciente.

 

Precisando realizar um exame de pressão? Ligue e marque uma consulta com os cardiologistas da Medic Life!